Decepção – Brasil Fora da Copa

Na manhã de hoje o país  acordou com a expectativa de ver o Brasil vencer a Holanda e passar a semi-final, mas infelizmente a seleção não correspondeu a expectativa e perdeu pelo placar de 2×1.

A Seleção até que fez um bom 1º Tempo, não dando chances na defesa, marcando bem no meio de campo, especialmente neutralizando o lado esquerdo com o jogador Robben, e criando boas oportunidades no ataque, com triangulações de Robinho, Kaká e Luis Fabiano.

Pelo que jogou na 1º etapa, o 1×0 talvez tenha sido pouco, e a oportunidade de matar o jogo no 1º tempo seria determinante para a derrota, pois a seleção voltou irreconhecível para o 2º Tempo, e um novo vilão estaria surgindo na seleção Brasileira: o volante Felipe Melo. Fez um gol contra (atrapalhou a saída do goleiro Julio Cesar) e pra piorar, ainda foi expulso infantilmente. Pelo 2º Tempo,  a Holanda mereceu a classificação, principalmente por ter tido mais equilíbrio emocional.

Fazendo uma avaliação do trabalho de Dunga à frente da Seleção nesse 3 anos e meio, destaco alguns pontos positivos e outros negativos:

Positvos

– Dunga foi campeão da Copa América, Copa das Confederações e 1º Lugar nas Eliminatórias;

– Venceu duelos importantes, contra a Argentina, Uruguai, Italia e outros jogos  de forma convincente;

Negativos

– Teve uma relação conturbada com a Imprensa, fechando a seleção para a imprensa e torcedores de forma exagerada;

– Foi teimoso em deixar de convocar jogadores de bom nível técnico como Ronaldinho Gaúcho, Ganso e Adriano em prol de jogadores apenas esforçados como Josué, Julio Batista e Grafite.

Em 2006, Parreira também havia ganho a Copa América, das Confederações, e classificado em 1º nas eliminatórias, e abriu a seleção para treinos e tudo mais. Os jogadores foram acusados de falta de comprometimento e de abusar das festas. Resultado: Perdeu nas quartas.

Em 2010, Dunga havia ganho a Copa América, das Confederações, e classificado em 1º nas eliminatórias, e fechou a seleção para treinos e tudo mais. O grupo de jogadores eram todos muito comprometidos e niguém abusou de festa alguma. Resultado: Perdeu também nas quartas.

Na minha opinião, está realmente claro que abrir ou fechar treinos para a imprensa, ou abusar de festa ou não, não se ganha ou se perde jogos.

Em Copa do Mundo quem tem que resolver são os craques, os fora de série, como foram Romário em 1994 e Ronaldo em 2002. E decididamente este ano não tínhamos um fora de série, apenas uma Seleção bem certinha, que prezava pelo coletivo. Esperava chegar entre os 4 primeiros, mas essa Seleção de 2010 não estava com “cara” de campeão, faltava um “algo mais para ela”.

Destaques para Lucio, Juan, Maicon e Elano (fez muita falta para a Seleção).

Micos da Seleção, Felipe Melo, Michel Bastos e Dunga por ter sido teimoso em levar tantos volantes  e deixar de fora jogadores mais ofensivos e de melhor nível técnico.

Agora é esperar por 2014!

Obs: Mas esse Mick Jagger É AZARADO! Pra quem será que ele vai torcer daqui pra frente, tomara que torça pra Argentina amanhã!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: