CAMPEONATO DE FUTEBOL MASTERS

Começou no último dia 21/06/2015 o campeonato de futebol MASTERS 2015, organizado pela  ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA 29 DE MAIO.

Infelizmente nas semanas seguintes devidos às chuvas que castigaram a cidade, as rodadas foram adiadas, mas os campeonatos foram retomados no último final de semana, com grandes jogos e com destaque para a grande presença de público no Estádio Francisco Pinto, demonstrando que o antoninense adora futebol.

Por isso, antoninense neste sábado tem mais…

PARTICIPANTES DO MASTERS: Gallos Bar, Pinga Fogo, Arrumadores, Sombreiro, Thiago Peixoto, Portinho, Laranjeira, Guapê e Caixa Dagua

Abaixo o regulamento do Masters:

REGULAMENTO masters 2015

Abaixo a tabela dos Campeonatos de Masters:

Tabela 2015 MASTER 

Abaixo, os resultados dos jogos, bem como a classificação dos campeonatos:

 CAMPEONATO DE FUTEBOL DE  2015 – MASTERS

1ª RODADA – SÁBADO – 21/06
GALLOS BAR 5 X 0  PINGA FOGO
ARRUMADORES  W X 0 SOMBREIRO
2ª RODADA – SÁBADO – 12/07/2015

THIAGO PEIXOTO   1   X   1    PORTINHO

LARANJEIRA             3   X   0    GUAPÊ

3ª RODADA – SÁBADO – 19/07/2015

CAIXA DAGUA    X    SOMBREIRO

GALLOS BAR       X    PORTINHO

CLASSIFICAÇÃO

EQUIPE POS. JOGO P.GANHO VITÓRIA EMPATE DERROTA DISC. OBS
GALLOS BAR 1 3 1 0 0 0
ARRUMADORES 1 3 1 0 0 0
LARANJEIRA 1 3 1 0 0 30
PORTINHO 1 1 0 1 0 10
THIAGO PEIXOTO 1 1 0 1 0 10
SOMBREIRO 1 0 0 0 1 100
PINGA FOGO 1 0 0 0 1 15
GUAPÊ 1 0 0 0 1 20
ARTILHEIRO: 1º) LEANDRO (GALLOS BAR) ……………………………………………………………………………………………………….02  GOLS

Obs: Os horários dos jogos,  serão os seguintes: 1º jogo início às  09:45 horas c/tolerância de 15 minutos, o início do 2º jogo  será  após o término do primeiro.

DEPARTAMENTO DE ESPORTES

COMPAREÇA E PRESTIGIE O FUTEBOL ANTONINENSE!

CAMPEONATO DE FUTEBOL SÊNIOR

Começou no último dia 21/06/2015 o campeonato de futebol SÊNIOR 2015, organizado pela  ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA 29 DE MAIO.

Infelizmente nas semanas seguintes devidos às chuvas que castigaram a cidade, as rodadas foram adiadas, mas os campeonatos foram retomados no último final de semana, com grandes jogos e com destaque para a grande presença de público no Estádio Francisco Pinto, demonstrando que o antoninense adora futebol.

Por isso, antoninense neste sábado tem mais…

PARTICIPANTES DO SENIOR: Tricolor, Arrumadores, Caixa Dagua, 26 de Outubro, Batel, Pinga Fogo, Estiva, Laranjeira e Sovaco da Cobra.

Abaixo o regulamento do Sênior:

REGULAMENTO sênior   2015

Abaixo a tabela dos Campeonatos de Sênior:

Tabela 2015 SENIOR

Abaixo, os resultados dos jogos, bem como a classificação dos campeonatos:

 CAMPEONATO DE FUTEBOL DE  2015 – “SENIOR”  

1ª RODADA – SÁBADO – 20/06
TRICOLOR 2 x  2 ARRUMADORES
26 DE OUTUBRO 6 X 0 CAIXA DAGUA 0

2ª RODADA – SÁBADO – 11/07/2015BATEL 8 X 0 PINGA FOGO

ESTIVA 4 X 3 LARANJEIRA

3ª RODADA – SÁBADO – 18/07/2015

SOVACO DA COBRA    X     26 DE OUTUBRO

TRICOLOR                       X     PINGA FOGO

CLASSIFICAÇÃO

EQUIPE POS. JOGO P.GANHO VITÓRIA EMPATE DERROTA DISC. OBS
26 DE OUTUBRO 1 3 1 0 0 5
CA BATEL 1 3 1 0 0 5
ESTIVA 1 3 1 0 0 15
ARRUMADORES 1 1 0 1 0 0
TRICOLOR 1 1 0 1 0 0
CAIXA DAGUA 1 0 0 0 1 15
PINGA FOGO 1 0 0 0 1 0
LARANJEIRA 1 0 0 0 1 10
ARTILHEIRO:   1º) CLAUDIO MOISÉS E ANTONIO MARCOS (26 DE OUTUBRO),ANSELMO,LUÍS CHIARELLI, JORGE (BATEL)…………..2 GOLS

Obs: Os horários dos jogos,  serão os seguintes: 1º jogo início às  09:45 horas c/tolerância de 15 minutos, o início do 2º jogo  será  após o término do primeiro.

DEPARTAMENTO DE ESPORTES

COMPAREÇA E PRESTIGIE O FUTEBOL ANTONINENSE!

NÃO PERCA : VAI COMEÇAR NESTE FINAL DE SEMANA O FUTEBOL SÊNIOR E MASTERS 2015

Vai começar neste final de semana a festa do futebol de Antonina…..os campeonatos de futebol SÊNIOR E MASTERS 2015, dando início as atividades da ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA 29 DE MAIO neste ano.

Após a posse da nova diretoria no dia 29 de Maio, o clube vêm se reestruturando em todas as àreas, patrimonial, financeira, administrativa e agora chegou a hora do setor de esportes dar início a sua tradicional atividade, os campeonatos de futebol  SÊNIOR E MASTERS.

PARTICIPANTES DO SENIOR: Tricolor, Arrumadores, Caixa Dagua, 26 de Outubro, Batel, Pinga Fogo, Estiva, Laranjeira e Sovaco da Cobra.

PARTICIPANTES DO MASTERS: Gallos Bar, Pinga Fogo, Arrumadores, Sombreiro, Thiago Peixoto, Portinho, Laranjeira, Guapê e Caixa Dagua

Abaixo o regulamento do Sênior e Masters:

REGULAMENTO sênior   2015

REGULAMENTO masters 2015

Abaixo a tabela dos Campeonatos de Sênior e Masters:

Tabela 2015 SENIOR

Tabela 2015 MASTER 

Dessa forma a programação para esse final de semana é a seguinte:

 CAMPEONATO DE FUTEBOL DE  2015 – “SENIOR”  

1ª RODADA – SÁBADO – 20/06
TRICOLOR x  ARRUMADORES
CAIXA DAGUA X  26 DE OUTUBRO

==============================================================================================

30º CAMPEONATO DE FUTEBOL DE  2015 – “MASTER”

1ª RODADA – DOMINGO –  21/06
GALLOS BAR X  PINGA FOGO
ARRUMADORES X SOMBREIRO

Obs: Os horários dos jogos,  serão os seguintes: 1º jogo início às  09:45 horas c/tolerância de 15 minutos, o início do 2º jogo  será  após o término do primeiro.

DEPARTAMENTO DE ESPORTES

COMPAREÇA E PRESTIGIE O FUTEBOL ANTONINENSE!

A.A. 29 DE MAIO COMEMORA 96 ANOS

No dia de hoje 29/05/2015 o nosso clube comemora 96 anos de sua fundação, uma vida inteira dedicada ao esporte antoninense que merece ser valorizada por todos os vintenoveanos e esportistas de nossa cidade.

Nos últimos anos, infelizmente o clube passou por um período de distanciamento dos associados e colaboradores devido a forma autoritária e individualista pela qual estava sendo administrada.

Mas felizmente, uma nova equipe de colaboradores e abnegados se dispõe a trabalhar pelo clube, esta eleita de forma democrática e inquestionável.

Mas quem conhece um pouco da história do clube, sabe que já passou por outras fases piores quanto agora, mas sobreviveu, e é nisto que acreditamos, que possa ressurgir novamente forte, rumo aos 100 anos de história.

Salve a Associação Atlética 29 de Maio!

Honra e Glória do Esporte de Antonina!

Abaixo toda descrição da partida que motivou a fundação de nosso clube.

A final mais longa da história: a batalha sul-americana

Brasil e Uruguai fizeram ótimo duelo na final

O futebol brasileiro ainda era uma incógnita naqueles tempos. O Uruguai era a potência do continente e reconhecido como uma das melhores equipes do mundo. Afinal, era o atual bicampeão sul-americano, derrotando o Brasil nas duas edições anteriores do campeonato. E seria bicampeão olímpico em 1924 e 28. A expectativa pela revanche era grande. Nenhum brasileiro queria perder novamente. O mundo passava por um momento de exaltação dos nacionalismos, e o duelo ultrapassava as quatro linhas. Os jornais brasileiros sabiam que o novo confronto, mesmo no Rio de Janeiro, seria uma verdadeira batalha.

Desde das 11h daquela quinta-feira do dia 29 de Maio de 1919, três horas antes da partida, muitas bandeiras eram vistas pelos morros adjacentes. O governo decretou ponto facultativo nas repartições públicas. Bancos e casas comerciais também fecharam as portas. Não se falava de outro assunto na cidade. Veio então a partida, embelezada pelo surpreendente número de senhoras nas arquibancadas, muito maior do que nos jogos anteriores. Durante os 90 minutos regulamentares, nada de gol. A partida foi para a prorrogação. Após 30 minutos, o placar continuava zerado. Os torcedores estavam tensos nas arquibancadas, os jogadores estavam exaustos em campo.

Foi preciso uma segunda prorrogação de mais 30 minutos. E foi aí que o artilheiro Friedenreich fez a diferença. Aos 3 minutos, Neco correu pela direita e lançou a bola para a área. Heitor recebeu e arriscou o chute, espalmado por Saporiti. A bola caiu nos pés do goleador brasileiro, que chutou à meia altura: 1 a 0. A torcida foi ao delírio nas arquibancadas. De tão marcante, aquele momento histórico virou até música. Foi eternizado por Pixinguinha em um chorinho que teve como título o placar do jogo: “É a bola, é a bola, é a bola / É a bola e o gol! / Numa jogada emocionante / O nosso time venceu por um a zero / E a torcida vibrou.”  Após 150 minutos de disputa, o Brasil erguia a sua primeira taça de expressão. Estava plantada a semente para um futuro grandioso.

EM VIRTUDE DESSA HISTÓRICA VITÓRIA OCORRIDA NO DIA 29 DE MAIO DE 1919, OCORRIA EM ANTONINA A FUNDAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA 29 DE MAIO COMO DESCRITO ABAIXO NA ATA DE FUNDAÇÃO.

Abaixo, a ata de fundação do clube.

“Associação Athlética 29 de Maio

Cores: Verde, Amarello e Branco

Acta de Fundação:

Ao primeiro dia de junho de mil novecentos e dezenove (1919) às oito horas da noite, no Bar Capelista, reunidos em secção as seguintes pessoas: senhores João Nascimento, Luiz Collaferro, João da Costa Pinto, Heitor Carvalho, Euclydes Rocha, Manoel Gordiano de Castro, Luiz Alves e Iphigenio Bonifácio de Almeida, ficou deliberado de comum accordo a formação de um club sportivo com o nome de Associação Athlética 29 de Maio. Foi escolhido este nome como homenagem a estrondosa victoria alcançada pelos nossos sportemen patrícios no grande certamen e grande Campeonato Sul-americano de Foot Ball, realizado na Capital da República. Fica também designado o dia oito do corrente para uma outra secção para ser eleita a Diretoria que deverá dirigir os destinos desta Associação até junho de mil novecentos e vinte (1920). Nada mais havendo a tratar, foi encerrada a secção, tendo todos os presentes assignados esta acta por mim feita e igulamente assignada. Eu João da Costa Pinto, servindo de Secretário assignei: João da Costa Pinto, Iphigenio Bonifácio de Almeida, Heitor Carvalho, João Nascimento, Luiz Collaferro, Euclydes da Rocha, Luiz Alves, Manoel Gordiano de Castro e Egberto de Leão.” (Transcrição da Ata de Fundação)

CONVITE CERIMÔNIA DE POSSE – DIRETORIA EXECUTIVA

29 de maio29 (1) (1)

Fotos e Memórias

Clic nas imagens para ampliar.

Foto da Entrada - 1930

Foto da Entrada – 1930

Foto da Entrada - 1936

Foto da Entrada – 1936

Manchete de Jornal - 1940

Manchete de Jornal – 1940

Aviso de

Aviso de “Fla x Flu” – 1947

Equipe de Atletismo - 1949

Equipe de Atletismo – 1949

Calendário - 1950

Calendário – 1950

Arquibancada - 1960

Arquibancada – 1960

Inauguração da Cancha - 1989

Inauguração da Cancha – 1989

Inauguração do Alambrado

Inauguração do Alambrado

Especial – 96 anos de História

CAMPEONATO SUL-AMERICANO – MAIO DE 1919

Evento esportivo contagia a Cidade Maravilhosa

Ampliar FotoReprodução/Arquivo

O Rio foi contagiado pelo ambiente futebolístico, e o estádio das Laranjeiras ficou lotado

O estádio das Laranjeiras, na sede do Fluminense, foi especialmente construído para a realização do Campeonato Sul-Americano. Quando as delegações de Chile, Argentina e Uruguai desembarcaram de navio na Praça Mauá (Rio de Janeiro), já havia um palco estruturado para recebê-los. A equipe brasileira estava concentrada para o início da competição, apostando em craques como o goleiro Marcos de Mendonça e os atacantes Friedenreich e Neco. No comando técnico, uma comissão improvisada pelos jogadores Amílcar Barbuy e Arnaldo Silveira (capitão), além de Mário Pollo, Affonso de Castro e Ferreira Vieira Netto. O dia 11 de maio marcou a estreia da seleção brasileira e do estádio. Não poderia ter sido melhor: 6 a 0 sobre o Chile, com direito a três gols de Friedenreich.

Relatos e fotos da época dão conta de que o estádio estava lotado durante todas as partidas. Cerca de 18 mil pessoas cabiam confortavelmente nas arquibancadas. Os homens trajavam elegantes ternos e chapéus, as senhoras usavam seus melhores vestidos e adereços. Do lado de fora, uma multidão – que não tinha condições de pagar pelo caro ingresso – tentava ver a partida, subindo no morro das Laranjeiras ou se aglomerando próximo à redação do “Jornal do Brasil”, na Avenida Rio Branco (Centro da cidade), à espera do resultado. Independentemente do local em que estavam, todos puderam comemorar a segunda vitória, 3 a 1 na Argentina, no dia 18 de maio. Um novo show de bola da seleção.

Como os uruguaios também haviam vencido os seus dois primeiros jogos, o duelo contra os brasileiros no dia 25 de maio era uma verdadeira final. A equipe celeste jogou de luto pela morte do goleiro Roberto Cherry. Uma semana antes, o arqueiro havia se chocado contra um jogador na partida contra o Chile e precisou fazer uma cirurgia, mas não resistiu. Apesar disso, o time adversário não perdeu o ânimo e chegou a abrir 2 a 0 no placar. Mas graças a Neco, o primeiro grande ídolo da história do Corinthians, o Brasil arrancou o empate heróico em 2 a 2. Como na época não havia decisão por pênaltis, uma segunda partida foi marcada para o dia 29 de maio.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Memoria

(Trechos da reportagem do dia 29/05/1919)